Principais Notícias

5 de Dezembro de 2017 às 16:37

Perseguição aos trabalhadores após a greve


  A Superintendência Regional-MS transferiu dois funcionários de um mesmo CDD para outros. Foi claramente uma perseguição desencadeada pelo fato dos colegas terem aderido à greve. Todas as providências legais já estão sendo tomadas, pois trata-se de uma ação tipificada na lei como “ação anti-sindical” e “assédio moral”.

  No campo político-administrativo será levado ao conhecimento do(s) partido(s) e políticos que indicaram os gestores da Superintendência, informando sobre a forma com que estão sendo tratados os trabalhadores de MS: sem diálogo, sem respeito ao movimento legal de greve e mesmo contra o que foi assinado no Acordo Coletivo.

  O bônus sem o ônus - O prefeito Marquinhos Trad que  como expressão maior do PSD no estado  também tem responsabilidade política por essas indicações, junto com o Marun (PMDB).  Esse debate sobre a interferência política nos Correios precisa extrapolar a categoria. Os políticos indicam, mas querem ficar só com o bônus e não com o ônus de tais indicações. A sociedade como um todo precisa saber o que acontece nos Correios.


Outras Notícias



Links Úteis


Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba novidades e informações sobre o SINTECT-MS.

Todos os direitos reservados a “sintectms” - Desenvolvido por Avalue Sistemas